Conheça 36 livros diferentes para colorir e relaxar

Qual a maneira mais nova que os adultos encontraram para relaxar? Colorir livros com desenhos mega complexos! Os livros para colorir já não são mais novidade para ninguém, só que a procura é tanta que muitas livrarias estão com estoques esgotados. Navegando pelo site da Livraria Cultura encontrei 36 livros diferentes e fiquei impressionada com a variedade.

Vou deixar o link de cada um deles abaixo das imagens:

























Eu tenho os mais famosos, Jardim Secreto e Floresta Encantada, que comprei pelo Submarino, pois nas livrarias daqui não tinha. Quero mostrar depois num post o que eu e minha mãe temos usado para colorir e também alguns desenhos que já pintamos.
Os preços dos livros variam entre R$22 e R$30. Acho que os preços são bons, pelos dois que eu tenho, dá para ver que as folhas são boas, o material é legal. Se todos os outros seguirem essa linha, então tá beleza.

Ah, e eu fiquei sabendo que as meninas do Indiretas do Bem também lançaram um livro para colorir, dá para ver aqui.


Quero muito o de zumbis e de gatinhos. Fiquei curiosa para ver os de suruba hahahaha
E você, entrou nessa moda?
Bjs.



10 marcadores de livros para você imprimir

Outro dia, coloquei aqui uns marcadores de livros bem fofos que encontrei no Pinterest, aqueles que dá para fazer juntando alguns materiais como tecido, papel colorido, clip, fita adesiva e por aí vai. Mas, ainda fuçando o Pinterest, encontrei vários links de marcadores de livros para imprimir, especialmente para quem não tem muito jeito com DIY. É só ver o que você mais curte e mandar ver na impressora ou na gráfica.

Dica 1: quando for imprimir, dê preferência para um papel com uma gramatura mais grossinha, acho que pode ser 240.

Dica 2: se estiver procurando coisinhas para imprimir no Pinterest, sempre coloque a palavra printable ao lado do que você procura. ;)

Marcador de Página Aquarela


Marcador de Página Raposas


Marcador de Página Polka Dots


Marcador de Página Tons Pastel


Apostila para treino de Lettering - Acesse


Desafio 52 Semanas: #34 Livros que eu acho que todo mundo deveria ler

Li poucos livros até agora, mas os poucos que eu li, recomendo! Veja 5 deles:


1. Extraordinário, R. J. Palacio
Já falei isso aqui e friso: todo mundo deveria ler. É um livro leve, com uma linda história sobre amizade, amor ao próximo e tudo mais de lindo.

2. Memórias de uma gueixa, Arthur Golden
Faz tempo que li esse e até quero ler de novo. Lembro que gostei muito por se tratar da história de uma gueixa. Nunca soube exatamente o que era uma gueixa e no livro entendi tudo. O livro conta a vida da menina Chiyo, que se torna gueixa, e vamos conhecendo todo esse estilo de vida, costumes, aprendizados, delicadeza... Ela estuda dança, arte... Assim, vamos compreendendo que gueixas não são prostitutas, o que muitos pensam. Se você tem interesse nessa cultura japonesa, é uma boa pedida. Tem filme também!

3. A Probabilidade Estatística do Amor À Primeira Vista, Jennifer E. Smith
Um livro doce, leve, que dá pra ler em "dois tempos". Só que eu li de pouquinho em pouquinho para não acabar logo. Dois jovens se apaixonam num período de 24 horas. O amor tem dessas coisas, quatro minutos podem mudar muita coisa. Falei dele aqui ó!

4. A Cidade do Sol, Khaled Hosseini
O mesmo autor do best seller O Caçador de Pipas. A Cidade do Sol é um romance lindo sobre amizade e amor, é triste, faz chorar, mas ao mesmo tempo é surpreendente e te faz refletir sobre a vida.

5. Comer, Rezar, Amar, Elizabeth Gilbert
Já vi muitas pessoas achando o livro um pouco massante, mas eu achei ótimo! Adoro as histórias da Liz que sai pelo mundo (Itália, Índia e Indonésia) para encontrar o seu eu interior. Gostei tanto que estava louca para acabar a história e ver o filme. E foi assim: acabei a última página e comprei o filme no Now. hahahaha No filme, quem interpreta Elizabeth Gilbert é a linda Julia Roberts. Adorei a atuação. Como eu já sabia que era ela quem fazia o filme, ficava imaginando nas cenas do livro, deu super certo.


Quais livros você sempre recomenda aos amigos?
Bjs.



Fofurice do dia: Marcador de livro

Estou sem nenhum marcador de livro... Acredita que estou marcando a página que eu paro com um folder de hamburgueria? hahahaha
Encontrei vários projetinhos no Pinterest de marcadores de livro. Super fofinhos e fáceis de fazer! Dá uma olhada. :)





Apostila para treino de Lettering - Acesse agora mesmo











Qual você mais gostou? :)
Bjs.



Dica de livro: A Probabilidade Estatística do Amor À Primeira Vista

Oba! Mais um livro terminado! \o/
A Probabilidade Estatística do Amor À Primeira Vista (ufa, até cansei!) pode ter esse nome gigante, mas é um livro pequeno, bem leve e ótimo para ler em viagens curtas. Há um tempão estava querendo ele, desde que li algumas resenhas em blogs literários e gostei da história. Na penúltima vez que fui à Livraria Cultura, em São Paulo, não tinha, somente no site e o preço não estava tão bacana. Em casa, fuçando o Submarino encontrei bem mais baratinho.



O livro é escrito por Jennifer E. Smith que narra uma história curta, que se passa em 24 horas. Tudo começa no aeroporto e um atraso de apenas quatro minutos. Quatro minutos que mudam tudo na vida de Hadley. Tem uma sinopse fofinha (que coloco logo abaixo) que conquista as meninas apaixonadas por fofurices e coisinhas de amor.



Sinopse: Com uma certa atmosfera de "Um dia", mas voltado para o público jovem adulto, A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista é uma história romântica, capaz de conquistar fãs de todas as idades. Quem imaginaria que quatro minutos poderiam mudar a vida de alguém? Mas é exatamente o que acontece com Hadley. Presa no aeroporto em Nova York, esperando outro voo depois de perder o seu, ela conhece Oliver. Um britânico fofo, que se senta a seu lado na viagem para Londres. Enquanto conversam sobre tudo, eles provam que o tempo é, sim, muito, muito relativo. Passada em apenas 24 horas, a história de Oliver e Hadley mostra que o amor, diferentemente das bagagens, jamais se extravia.



Hadley passa por situações complicadas com o fim do casamento de seus pais e a relação entre ela e, principalmente o pai, fica abalada. Tem também essa coisa de amor à primeira vista que é uma delícia, né? Oliver é um gentleman! Enfim, pode ser bem clichê, mas é muito gostoso de ler, pode apostar. Espero que vire filme! :)

Gif encontrado no blog: http://blogliterata.blogspot.com.br/2014/02/encontrei-por-ai-downloads-da-galera.html

Já leu? O que você tem lido?
Bjs.



5 livros que ainda quero ler

Peguei o gosto por ler livros! E tenho muitos títulos em mente que quero ler. Não sou de ficar fuçando, descobrindo livros que ninguém leu, lendo todos os livros do autor, aliás, não tenho nem autor favorito. Adoro chegar na livraria e ir direto na mesa dos mais vendidos. Se está ali é que tem uma galera gostando, né? Ah, também gosto muito de ver a capa, é a primeira coisa que me chama atenção, depois leio a sinopse e se me interessar, já era!

Separei os 5 livros que ainda quero ler, veja se um desses também faz parte da sua wishlist literária!


1. Fangirl, Rainbow Rowell - Submarino | Cultura | Saraiva | Americanas


Já ouvi falar super bem e parece ser um livro levinho. Sinopse: Cath é fã da série de livros Simon Snow. Ok. Todo mundo é fã de Simon Snow, mas para Cath, ser fã é sua vida e ela é realmente boa nisso. Vive lendo e relendo a série; está sempre antenada aos fóruns; escreve uma fanfic de sucesso e até se veste igual aos personagens na estreia de cada filme.


2. Tampa, Alissa Nutting - Submarino | Cultura | Saraiva | Extra | Americanas


Esse livro é meio polêmico pelo que pesquisei depois de conhecê-lo na FNAC. A capa me chamou atenção. A autora narra a atração doentia de uma jovem professora, casada e bonita, por seus alunos, e o tórrido caso de amor que viveu com um deles, de apenas 14 anos. UOU! Baseado em um caso real. Ao mesmo tempo que a protagonista é delicada e espirituosa, tem uma personalidade de psicopata quando se trata de suas obsessões sexuais, tem altas doses de erotismo e pitadas de humor negro. AFF hahahaha Fiquei curiosa. Alguém já leu? Olha só a outra capa que ele tem!


3. O Diário de Anne Frank, Anne Frank - Submarino | Cultura | Saraiva | Americanas


Existe essa versão aqui também, mas estou doida por essa vermelha xadrez que parece com o original. Sou super curiosa com essas histórias do Holocausto. Já vi o filme de 3 horas e gostei bastante. O livro conta o depoimento da pequena Anne Frank, morta pelos nazistas após passar anos escondida no sótão de uma casa em Amsterdã. O diário narra os sentimentos, os medos e as pequenas alegrias de uma menina judia, que, como sua família, lutou em vão para sobreviver ao Holocausto.


4.  Sob A Redoma, Stephen King - Submarino | Cultura | Saraiva | Extra | Americanas


Eu acompanho a série Under The Dome e até já falei sobre isso aqui. Gosto bastante e quero muito que volte logo. Gostaria muito de ler o livro, que é GIGANTE, tem 960 páginas. Sinopse: Um campo de força de materializa subitamente em uma cidade do Maine, isolando do resto do mundo as pessoas sob a redoma. O livro narra os conflitos, ações e reações dos presos, que em meio ao caos também se perguntam quem ou o que está por trás do acontecimento.


5. A Teoria de Tudo, Jane Hawking - Submarino | Cultura | Saraiva | Extra | Americanas


A Teoria de Tudo foi um dos filmes indicados ao Oscar e Eddie Redmayne levou a estatueta como "Melhor Ator". Se o filme já é lindo, imagina o livro! Sinopse: Quando Jane conhece Stephen, percebe que está entrando para uma família que é pelo menos diferente. Com grande sede de conhecimento, os Hawking possuíam o hábito de levar material de leitura para o jantar, ir a óperas e concertos e estimular o brilhantismo em seus filhos - entre eles aquele que seria conhecido como um dos maiores gênios da humanidade, Stephen. A atuação de Eddie foi incrível, super mereceu levar o Oscar.


Quais livros estão na sua wishlist literária?
Bjs.



Dica de livro: O lado bom da vida, de Matthew Quick

Estou firme e forte nas leituras. Uma das minhas metas para 2015 (que também faz parte do projeto 100 coisas para fazer antes de morrer) é ler mais livros. Depois de ler Extraordinário, peguei O Lado Bom da Vida, de Matthew Quick.

Primeiramente vi o filme, que leva o seguinte nome em inglês: Silver Linings Playbook. Em inglês, isso é um tipo de expressão usada como metáfora para o otimismo, onde mesmo uma situação ruim pode trazer algo positivo. No Popcorn time não tinha o título em português, então fiquei meio sem saber. Mas depois, pesquisando vi que na nossa língua virou O Lado Bom da Vida, que também é um título bom. Aí, vi que tinha livro e fiquei com vontade de ler.



Para começo de história: o filme é inspirado no livro. Ok! Mas não espere ser algo do tipo A Culpa é das Estrelas (que pelo que dizem é bem fiel ao livro). O jeito como a história de O Lado Bom da Vida é contada na telona é bacana, mas se for para escolher entre filme e livro, fico com o livro.

O Pat do livro é diferente do filme. No livro, Pat Peoples. No filme, Pat Solitano Jr. As personalidades são um pouco diferentes também. Senti o Pat do filme com um tom mais agressivo, já do livro, parece ser um pouco mais bobo. 

O Lado Bom da Vida é narrado pelo protagonista, no caso, Pat Peoples. Ele acaba de sair de uma instituição para pessoas com problemas psiquiátricos, ou "lugar ruim", como ele mesmo se refere, e não tem muita noção de quanto tempo ficou por lá. Só sabe que o que mais quer na vida, é se encontrar com sua esposa Nikki, dar um fim de vez no "tempo separados" e ter de volta a sua vida, seu emprego, seu lar, suas coisas. Aos poucos vai retomando a memória e conseguimos entender o que aconteceu com Pat para ele parar lá no "lugar ruim". 



No meio disso tudo, Pat faz amizade com Tiffany, que também é meio problemática e bem esquisita, mas eles meio que se entendem do jeito deles.
O livro é bem legal, mas confesso que no começo pode parecer um pouco cansativo. Depois deslancha e você quer ler os próximos capítulos com mais vontade ainda, para saber o que vai acontecer na história. Fala muito sobre futebol americano, Pat, o irmão e o pai são fanáticos pelos Eagles, então, se você é fã de esporte, pode ser uma boa pedida. Aqui, faço um adendo sobre o pai de Pat. Ele é tão fanático pelo time de futebol, que se eles ganham um jogo, o humor dele está ótimo, se perdem, já era o dia, ele se tranca no escritório e não há quem o faça sair.



Como dá para notar na capa, o filme é estrelado por Bradley Cooper e Jennifer Lawrence. Achei ótimas as atuações dos dois. E fiquei tentando imaginá-los nas cenas descritas no livros, que como falei, é bem diferente. :)

Fica a dica aí para vocês que estão à procura do próximo livro. 
Bjs.



Facebook

Publicidade